Follow by Email

Sunday, January 29, 2006

.
OSHO

Nós estamos sempre adiando. Esse adiamento vira um diálogo interior, um monólogo interior. Não adie mais. Viva aqui e agora. E quanto mais viver no presente, menos você precisará dessa “mentalização” constante, desse pensamento constante. Menos precisará dele! Ele só existe por causa desse adiamento e nós continuamos adiando tudo. Vivemos sempre no amanhã, que nunca chega e que não pode chegar; é impossível. É sempre o presente que chega, e continuamos sacrificando o hoje em favor do amanhã, que não está em lugar nenhum. Então a mente continua a pensar no passado, que você destruiu, que você sacrificou por algo que não chegou. E o presente continua sendo adiado em favor de mais amanhãs.
Isso que perdeu, você continua a achar que recuperará em algum lugar no futuro. Você não vai recuperá-lo! Essa tensão constante entre passado e futuro, essa perda constante do presente, é a agitação interior. A menos que ela cesse, você não vai conseguir ficar em silêncio. Então a primeira coisa é tentar ser total o tempo todo.

Segunda coisa: sua mente é tão barulhenta porque você continua pensando que os outros é que causam essa agitação interior, que você não é o responsável. Então você acha que num mundo melhor - com uma mulher melhor, um marido melhor, filhos melhores, uma casa melhor, num lugar melhor -, tudo seria maravilhoso e você ficaria em silêncio. Você acha que não está em silêncio porque tudo à sua volta está errado, então como você poderia estar?
Se você pensa assim, se essa é a sua lógica, então esse mundo melhor nunca vai chegar. Em todo lugar o mundo será igual, em todo lugar os vizinhos serão iguais e, em todo lugar, as esposas serão iguais, os maridos serão iguais e os filhos serão iguais. Você pode criar a ilusão de que, em algum lugar, exista um céu, mas todo lugar será o inferno. Com esse tipo de mente, tudo será um inferno. Essa mente é um inferno.
OSHO Posted by Picasa

No comments:

Post a Comment